Os Hathaways, um breve comentário

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015
Oi, pessoas! Tudo bem com vocês?
Vou começar contando uma historinha rápida. Eu odiava romances de época. De verdade! A Yasmim, uma amiga, ficou me falando de algumas autoras famosas desse estilo de livro. Ela falou tanto que eu resolvi ceder e ler. Achei que ia odiar, pois já tinha tentado ler outros e fracassei totalmente. Até que eu decido ler Desejo à Meia-Noite, da série Os Hathaways. Apaixonei literalmente. E hoje em dia eu sou completamente apaixonada por eles! Eles são uma família linda, cinco irmãos que brigam e se amam acima de tudo.



Cada livro conta a história de um irmão.
Desejo à Meia-Noite conta a história da irmã mais responsável, Amelia, ela possui a responsabilidade de cuidar das finanças, dos irmãos e de todo o resto que diz respeito à eles. Sedução ao Amanhecer mostra como Win se apaixonou pelo quase irmão deles, um cigano que o patriarca da família Hathaways ajudou quando ele, Merripen, ainda era um garoto. Tentação ao Pôr do Sol é a vez de Poppy, vejo ela como a mais tagarela, que gosta de falar, discutir e falar novamente (risos!). Manhã de Núpcias é Leo quem vivencia o amor, ao lado de uma mulher que para ele, até então, era improvável. Foi o livro que eu mais gostei da série. Ele era o bêbado, o louco, mas que no fundo não sabia como superar uma grande dor do passado. E finalmente, em Paixão ao Entardecer, Beatrix é a grande figura. Ela é a mais energética, a mais danada e dificilmente se prende às etiquetas que a sociedade verbaliza. 

Só queria expor pra vocês o quanto eu amo essa série, o quanto eu sou grata à Lisa Kleypas por escrever uma história tão cheia de esperança, superação e que me ajudou a entender algumas coisas pessoais. O meu problema com romances de época era o machismo que é muito presente, mas comecei a deixar minha mente aberta e compreender que é o contexto vivenciado e que era normal. Não que eu concorde, nunca! Mas pra época era algo recorrente e tido como correto por muitos. Claro que, sempre tem as pessoas que não concordam desde os tempos primórdios (viva!).

Então, era bem simples mesmo e acho que consegui explicar um pouquinho pra vocês o quanto essa linda família é amada por mim! <3>


4 comentários:

  1. Oie Lu =)

    Eu li apenas o primeiro livro dessa série, mas não consegui curti muito. Mas, acho que foi por causa da protagonista sabe. Ela me irritou muito >.<

    Tenho curiosidade de ler as histórias dos outros membros da família, mas de verdade espero que eles sejam menos chatos rs...

    Beijos e um ótimo feriado;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  2. Oi Lú!
    Você foi indicada pra responder uma tag lá no blog. Pode fazê-la por escrito aqui no Clicando Livros.
    http://literaturaeeu.blogspot.com.br/2015/02/video-tag-know-your-blogger.html#more

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  3. Lú seu post ficou maravilhoso e posso dizer que penso semelhante a você. Fui iniciada ao estilo por essa série, que confesso escolhi pela capa linda. Sou totalmente apaixonada por essa família (estou lendo o último livro) e não consigo escolher o melhor livro, já que para mim a história é perfeita como um todo.
    Essa autora é uma diva que conquistou geral!!! Além dela o destaque no estilo para mim é a Julia Quinn, vc concorda!!!????
    Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  4. Oi Lú! Sempre vejo essa autora nos blogs literários, mas ainda não li nada dela. Vou colocar na lista de desejados. Beijos!!
    http://literaturaeeu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir